62: 26.Ago,2016

0-lutotransp200Existe certo tipo de pessoas que afirmam nas redes sociais e em jornais online, a propósito de certas notícias, que têm nojo em serem Portugueses. Discordo completamente. Eu tenho muita honra em ser Português. Tenho é NOJO de ter políticos que (des)governaram Portugal depois do golpe de Estado do 25 de Abril’74 e que o levaram à ruína económica e social. Desses, é que eu tenho NOJO!

Ainda não recebi qualquer resposta ao meu pedido de transferência de médica de família, a mesma que “acompanhou” minha esposa até quase à véspera da sua morte, porque fui informado pelos serviços do Centro de Saúde, quando necessitei de uma consulta no princípio deste mês, que a médica estava doente e possivelmente durante este mês de Agosto não iria estar presente.

Hoje, vim a saber através de outros doentes que têm a mesma médica de família que a “doença” dela era GRAVIDEZ!

Bom, se a gravidez é doença (exclusivamente na classe médica porque nunca tinha ouvido falar nessa “doença”), compreende-se então porque razão a senhora deixou minha esposa definhar até à sua morte porque não era o trabalho de duas enfermeiras virem cá a casa 3 vezes por semana – e já nas últimas semanas de vida dela -, a fim de limparem as úlceras e colocarem novos pensos, com EXPOSIÇÃO ÓSSEA e cheiro fétido (relatório da urgência do hospital de S. Francisco Xavier) que ela própria constatou porque em duas vezes em que esteve cá em casa, que seria a via indicada para a situação decorrente mas sim o seu internamento hospitalar, não nessa altura, mas muito, muito antes conforme eu vinha a solicitar com insistência.

Minha esposa faleceu por ter entrado em falência respiratória devido a choque séptico provocado pela infecção das referidas úlceras. Será que uma médica não tem conhecimento disto?

06072016_03

06072016_04

06072016_05

1mesdesaudade

0-assinatura

24.Jun.2017
cuidador cuidador 17 horas ago

Dia de visita à campa da nossa querida Tina. As flores da semana passada ainda estavam boas, mas com… Read More

24.Jun.2017
18.JUL-2016 - 18.JUN.2017
cuidador cuidador 1 semana ago

Há 11 meses que partiste e ainda parece que foi ontem... Não te esquecemos minha querida, vives nos… Read More

18.JUL-2016 – 18.JUN.2017
17.Jun.2017
cuidador cuidador 1 semana ago

Dia de visita à campa da nossa querida Tina. As flores da semana passada estavam boas (são mais resi… Read More

17.Jun.2017
Há muitos jagunços merdosos que precisavam de ter passado por isto...
cuidador cuidador 2 semanas ago

... para aprenderem a ser Homens com H muito grande, pois a maioria que não foi à tropa ou não fez a guerra do Ultramar, arriscando a vida vinte e quatro horas por dia, com esposa e filha(o)… Read More

12.Jun.2017
cuidador cuidador 2 semanas ago

Faz hoje, dia 12 de Junho de 2017, 53 anos que começámos a namorar. Foi no baile dos Santos Populares do Mercado de Algés, estava eu a actuar como vocalista do Conjunto Nice 64 e não resististe à minh… Read More

[powr-hit-counter id=0d3630ab_1488655459117]

48: 28.Jul.2016

0-lutotransp200Hoje, enviei o seguinte e-mail para o Coordenador da USF Santo Condestável:

Data: qui 28/07/2016 20:18
Para: condestavel.sec@csscondestavel.min-saude.pt

Assunto: Pedido de mudança de médico de família

A/c do Exmo. Coordenador da USF Santo Condestável

Exmo. Senhor

Eu, abaixo assinado, Francisco Gomes, utente do SNS XXXXXXXXX, solicito a mudança do actual médico de família (Dra. Irene Martins), de acordo com o disposto no

Artigo 15.º

Livre escolha pelo doente

1 — O doente tem o direito de escolher livremente o seu médico, e este o dever de respeitar e defender tal direito.
2 — O médico assistente deve respeitar o direito do doente a mudar de médico, devendo antecipar-se, por dignidade profissional, à menor suspeita de que tal vontade exista.

Publicado no Diário da República, 2.ª série — N.º 139 — 21 de Julho de 2016

Com os melhores cumprimentos,

F Gomes

Não mencionei motivos porque penso que o que se encontra estipulado na Lei, não me obriga a fazê-lo, mas se for preciso e solicitado, enviarei todos os motivos e razões, juntamente com as imagens dos últimos dias da Tina, para justificar este pedido de mudança de médico de família.

Mais uma vez refiro o juramento de Hipócrates que TODOS os médicos fazem quando terminam o seu curso, entre eles:

Exercerei a minha arte com consciência e dignidade.
A Saúde do meu Doente será a minha primeira preocupação.

Faço estas promessas solenemente, livremente e sob a minha honra.

0-assinatura

24.Jun.2017
cuidador cuidador 17 horas ago

Dia de visita à campa da nossa querida Tina. As flores da semana passada ainda estavam boas, mas com… Read More

24.Jun.2017
18.JUL-2016 - 18.JUN.2017
cuidador cuidador 1 semana ago

Há 11 meses que partiste e ainda parece que foi ontem... Não te esquecemos minha querida, vives nos… Read More

18.JUL-2016 – 18.JUN.2017
17.Jun.2017
cuidador cuidador 1 semana ago

Dia de visita à campa da nossa querida Tina. As flores da semana passada estavam boas (são mais resi… Read More

17.Jun.2017
Há muitos jagunços merdosos que precisavam de ter passado por isto...
cuidador cuidador 2 semanas ago

... para aprenderem a ser Homens com H muito grande, pois a maioria que não foi à tropa ou não fez a guerra do Ultramar, arriscando a vida vinte e quatro horas por dia, com esposa e filha(o)… Read More

12.Jun.2017
cuidador cuidador 2 semanas ago

Faz hoje, dia 12 de Junho de 2017, 53 anos que começámos a namorar. Foi no baile dos Santos Populares do Mercado de Algés, estava eu a actuar como vocalista do Conjunto Nice 64 e não resististe à minh… Read More

[powr-hit-counter id=432cd850_1488655945310]