233: 11.Nov.2017

Os dias da visita à campa da Tina são dias sempre muito tristes. Mas o que torna ainda mais triste este dia é acumular com a data de aniversário do meu querido Pai.

Uma data que todos os anos causa-me imensa dor e tristeza e já lá vão 55 anos que ele partiu. A vida pode continuar mas já não é a mesma quando recordamos a vivência anterior na companhia dos nossos entes queridos e que nos deixaram para sempre.

Eterna Paz para ti, minha querida Tina e para ti, meu querido Pai.

Hoje, comprei um raminho de flores numa florista ao pé da paragem do transporte que me leva ao cemitério, dado que os preços de “Dia de Finados” na florista onde desde há 15 meses comprava as flores, ainda se mantêm (e já nem vão descer).

18.Jul.2016 - 18.Jun.2018

18.Jul.2016 – 18.Jun.2018

2 dias ago cuidador cuidador
Há 23 meses que partiste e ainda parece que foi ontem... Não te esquecemos minha querida, vives no…
Read More
2 dias ago18.Jul.2016 – 18.Jun.2018
12.Jun.1964 - 12.Jun.2018

12.Jun.1964 – 12.Jun.2018

7 dias ago cuidador cuidador
Faz hoje 54 anos que começámos a namorar. Foi num Baile dos Santos Populares no Mercado de Algés ond…
Read More
7 dias ago12.Jun.1964 – 12.Jun.2018
09.Jun.2018

09.Jun.2018

1 semana ago cuidador cuidador
Mais um sábado que falhei a visita à campa da Tina. Não tenho andado lá muito "católico" e o tempo t…
Read More
1 semana ago09.Jun.2018
02.Jun.2018

02.Jun.2018

2 semanas ago cuidador cuidador
Hoje, foi a Vera a única visita à campa da nossa querida Tina dado que não me encontrava em condiçõe…
Read More
2 semanas ago02.Jun.2018
26.Mai.2018

26.Mai.2018

3 semanas ago cuidador cuidador
Dia de visita à campa da nossa querida Tina. Mais um raminho de flores compradas pela Vera para junt…
Read More
3 semanas ago26.Mai.2018

[powr-hit-counter id=8eb24371_1510412770843]