232: 05.Nov.2017

Ontem, devido à chuva que caíu, não pudemos ir à nossa habitual visita de Sábado, mas fomos hoje, com dia de Sol e apenas tristes porque a “desculpa” das flores terem aumentado de preço uma semana antes do Dia de Finados, por motivo desse dia, ainda se mantinha hoje, 4 dias depois dessa data e não quisemos continuar a alimentar o oportunismo do negócio.

Assim, não comprámos flores, nem compraremos mais e a florista perdeu um cliente semanal desde há 15 meses. Se todos fizessem assim, talvez os preços “normalizassem”…

Mas as flores que colocámos no Sábado passado, a preços de Dia de Finados, estavam excelentes devido à chuva que entretanto caiu e as manteve viçosas. A Vera mudou a água do copo, colocou de novo o ramo e para a semana temos de arranjar um local onde comprar as flores sem ser a preço de Dia de Finados.

18.Jul.2016 - 18.Jan.2018

18.Jul.2016 – 18.Jan.2018

2 dias ago cuidador cuidador
Há 18 meses que partiste e ainda parece que foi ontem... Não te esquecemos minha querida, vives no…
Read More
2 dias ago18.Jul.2016 – 18.Jan.2018
16.Jan.2018

16.Jan.2018

3 dias ago cuidador cuidador
Hoje, a mensagem é mais longa do que habitualmente, mas a data também é muito especial e merece refe…
Read More
3 dias ago16.Jan.2018
03.Jan.2018

03.Jan.2018

2 semanas ago cuidador cuidador
Hoje, infelizmente, não pudemos levar um raminho de flores. O orçamento não "esticou" dado que o Est…
Read More
2 semanas ago03.Jan.2018
30.Dez.2017

30.Dez.2017

3 semanas ago cuidador cuidador
Mais um ano que passou, é o segundo após a tua partida e ainda parece que foi ontem! A Saudade não l…
Read More
3 semanas ago30.Dez.2017
23.Dez.2017

23.Dez.2017

4 semanas ago cuidador cuidador
Este é o segundo Natal que passamos sem ti minha querida e não existem palavras que traduzam a dor e…
Read More
4 semanas ago23.Dez.2017

[powr-hit-counter id=bdeeb90a_1509891963583]