224: 23.Set.2017

Nova visita à campa da nossa querida Tina. Catorze meses depois de ter baixado à terra para a sua última morada temporal, fico triste por constatar que ninguém da sua família se dignou visitá-la para lhe deixar apenas uma flor de Saudade.

É certo que os mortos não necessitam de apoio, de solidariedade, de ajuda, de lhes levarem flores, isso faz-se enquanto se está vivo ou em estado de necessidade absoluta, situação esta que também se verificou durante os penosos cinco anos em que esteve doente e apenas recebeu meia dúzia de atenções por parte de poucos irmãos, sendo o marido (eu) e a filha (Vera), que suportámos todas as exigências relacionadas com as doenças que a Tina padecia.

Porque ela não morreu da doença mas de incúria médica e negação absoluta de internamento quando ainda não apresentava úlceras com EXPOSIÇÃO ÓSSEA por grande parte do seu corpo, ao ponto de ter de ser algaliada e entubada para alimentação (sonda gástrica) e a morte verificou-se na urgência do hospital de São Francisco Xavier por CHOQUE SÉPTICO devido a FALÊNCIA RESPIRATÓRIA provocada por essas úlceras.

E ainda hoje, estou à espera, mais de QUINZE MESES depois de ter apresentado queixa na Ordem dos Médicos, que o processo seja avaliado disciplinarmente!

Fica aqui o registo da nossa visita de hoje:

18.Jul.2016 - 18.Jan.2018

18.Jul.2016 – 18.Jan.2018

2 dias ago cuidador cuidador
Há 18 meses que partiste e ainda parece que foi ontem... Não te esquecemos minha querida, vives no…
Read More
2 dias ago18.Jul.2016 – 18.Jan.2018
16.Jan.2018

16.Jan.2018

3 dias ago cuidador cuidador
Hoje, a mensagem é mais longa do que habitualmente, mas a data também é muito especial e merece refe…
Read More
3 dias ago16.Jan.2018
03.Jan.2018

03.Jan.2018

2 semanas ago cuidador cuidador
Hoje, infelizmente, não pudemos levar um raminho de flores. O orçamento não "esticou" dado que o Est…
Read More
2 semanas ago03.Jan.2018
30.Dez.2017

30.Dez.2017

3 semanas ago cuidador cuidador
Mais um ano que passou, é o segundo após a tua partida e ainda parece que foi ontem! A Saudade não l…
Read More
3 semanas ago30.Dez.2017
23.Dez.2017

23.Dez.2017

4 semanas ago cuidador cuidador
Este é o segundo Natal que passamos sem ti minha querida e não existem palavras que traduzam a dor e…
Read More
4 semanas ago23.Dez.2017

[powr-hit-counter id=58aeae67_1506179487697]